sábado, 26 de junio de 2010

Ensaio - (Versión bilingüe)

Quem é esse?

Que vai até os cantos

como uma aranha talentosa,

com olhos e cabeça de artrópode

porque esse é o mundo que compreende,

aninhando estrepitosamente,

esperando a presa na escura caverna

até dar o salto que permita saciar a sua prole.

Senhores. Esse sou eu.

Embaixo da bota,

agora uma mancha indecifrável

na branca densidade do azulejo.

Senhores. Como uma aranha talentosa.

No hay comentarios: